terça-feira, 14 de agosto de 2007

ATENAS

Saímos cedo na direcção do sul de Atenas, era dia de conhecer o Mar Egeu :o) e não ficamos desiludidos, as praias eram muitas, com baías lindíssimas, o azul era ainda mais acentuado que o Adriático e fomos andando ao longo da costa...
Chegados a uma pequena localidade decidimos ir tomar o pequeno almoço e assim fizemos tomamos o pequeno almoço e depois compramos pão, queijo e fiambre, pois um dia na praia nos esperava e podíamos ter fome ao longo do dia.

Pelo meio uma curiosidade, quando começamos a ver água vimos as pessoas incompreensivelmente afastadas da costa, muitas delas com chapéu na cabeça e em grupinhos de 2, 3 e 4 o que achamos estranho não percebendo bem o que se passaria ali... até que depois compreendemos, a flutuabilidade do mar Egeu é impressionante, até um prego flutua, daí o facto de as pessoas se afastarem a vontade pois é muito fácil nadar naquela agua parada sendo que a agua é incrivelmente quente e com tanto calor que se fazia sentir só se estava bem mesmo dentro de agua com chapéu a conversar...

A praia onde por acaso ficamos era bem simpática, tinha música colocada por um rapaz que por acaso até tinha bom gosto, e a praia era animada, tinha muita gente nova e o ambiente era sem duvida bom.
Voltamos tal como em Primosten a fazer Snorkel, onde eu e o João nos deslocamos umas boas dezenas de metros para a esquerda ao longo da Baía.

Foi sem duvida um grande dia de praia, já perto das 18.00 decidimos ir andando na esperança de encontrarmos um restaurante onde pudesse-mos jantar e ver o Benfas, só metade se concretizou, ou seja jantamos mas obviamente não encontramos nenhum restaurante em plena cidade de Atenas que estivesse a passar o Benfica :o)

O jantar correu bem, decidimos procurar um restaurante típico Grego e indicaram-nos a zona da “Plaka”, uma zona ampla cheia de árvores e esplanadas onde as pessoas jantavam ao sabor de uma temperatura agradável que se fazia sentir nas ruas de Atenas a noite, fomos caçados pelo empregado de um restaurante que arranhava um pouco de Português, ofereceu-nos vinho gratuitamente e desta forma convenceu-nos.
Comi uma vitela guisada “a moda de lá” que por acaso estava excelente!
Depois disto ainda fomos beber um cafezinho a uma outra esplanada, mas pouco depois fomos descansar, o cansaço acumulado começava-se a fazer sentir...

1 comentário:

Trufas disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.